Entenda o que são Rich Snippets e sua importância para SEO

rich snippets

O que são rich snippets?

Você pode até não saber ainda o que são snippets, mas certamente já está cansado de vê-los nos resultados.

Resultado de imagem para Rich Snippets

Quando o usuário faz uma busca, o Google sempre exibe um resumo das páginas, que é composto pelo seu título, URL e descrição (a meta description), como no exemplo abaixo:

resultado serp marketing de conteudo

Isso é um snippet — que significa “fragmento” em inglês —, cujo objetivo é informar o usuário sobre o que ele irá encontrar ao clicar no link.

Só que, ainda em 2009, o Google introduziu os rich snippets nos resultados da busca. Essa expressão pode ser traduzida para o português como “fragmentos ricos”. Dentro do contexto da SERP do Google, eles são fragmentos valiosos de páginas da web.

Um bom exemplo são as avaliações dos usuários, que aparecem em forma de estrelas nos resultados da busca, como nas páginas do Facebook:

rich snippet pagina rock content

Para o usuário, eles fornecem uma informação adicional sobre a página, que ajuda a decidir qual o melhor resultado para a sua busca antes mesmo de clicar no link.

Já para o buscador, esses fragmentos ajudam a identificar informações relevantes que podem ser exibidas nos resultados e, assim, oferecer uma experiência de busca mais satisfatória.

Como utilizar os rich snippets?

Para utilizar os rich snippets é necessário entender de programação, pois as informações devem estar presentes no código HTML do site por meio de dados estruturados, que irãoclassificar e organizar o conteúdo. 

Isso facilita a tarefa do crawler (robô do Google), que irá ler o conteúdo e definir o que érelevante para ser exibido na SERP.

Quais os tipos de rich snippets?

Certamente, ao realizar uma busca no Google, você já deve ter se deparado com alguma das técnicas de rich snippets. Por exemplo, quando aparece as avaliações em forma de estrelas perto da URL ou quando aparece a geolocalização da sua pesquisa. Essas sãoalgumas formas apresentadas de rich snippets, porém existem muitas outras que podem ser mais relevantes para o seu negócio.

 

Como Criar Rich Snippets?

Como eu disse anteriormente, a informação extra exibida na snippet é obtida através do uso de markup formats (microformats e RDFa) no código das páginas de um site. O Google, ao acessar uma página, busca esse tipo de codificação para capturar as informações e poder exibir na snippet para a página.

No caso do Yelp, o uso de microformats, implica no seguinte código:

yelp-microformats

E o uso de RDFa, implica no seguinte código:

yelp-rdfa

Utilizando markup formats em um site, o webmaster define a estrutura de dados do seu site, que é o que o Google utiliza para criar as Rich Snippets. Por enquanto, o Google somente atende aos markups referentes à pessoas e reviews de produtos ou serviços, mas pretende expandir para outras áreas e outros padrões de markup formats.

Também, o Google não está capturando markup formats para todo e qualquer site, mas aos poucos pretende aumentar a quantidade de sites participantes e, naturalmente, ficará de olho em quem tentar abusar da alternativa e, provavelmente, punir o site.

Para quem quiser participar, o Google disponibilizou um formulário para o webmaster manifestar o seu interesse em ter Rich Snippets para o seu site: Interested in Rich Snippets?

Markup Formats e Estrutura de Dados na Web

Os Markup Formats (microformats e RDFa – suportados pelo Google) são identificadores que os webmasters podem usar em seus sites para definir a estrutura de dados do site. Isso serve para que o Google (ou outro serviço que se apoie em markup formats) entenda melhor o site, pois as classes usadas em div’s e span’s referentes aos microformats (hreview, fn, org, vcard, etc.) e identificações RDFa (v:organization, v:name, v:rating, etc.) indicam o que significa cada informação (dentro deste span está um endereço; dentro desta div, um nome de uma pessoa), o que possibilita a exibição de Rich Snippets para o Google.

Isso rende assunto para um novo artigo. Eu vou parar por aí e recomendar a leitura da documentação do Google Marking up structured data.

SEO com Rich Snippets?

Os Rich Snippets ajudam a organizar melhor a informação. Isso melhora a semântica das páginas web e ajuda e muito os buscadores a entender o contéudo do site, facilitando a indexação. Portanto, o uso do Rich Snippets no trabalho de SEO é muito bem-vindo.

Agora, cabe aos SEO’s identificarem a melhor informação para disponibilizar na composição de Rich Snippets. Para sites baseados em perfis ou reviews de produtos, serviços, negócios, etc., a porta já está aberta para adequação à markup formats e formação de Rich Snippets. Para sites de outros tópicos, resta estudar as possibilidades de estrutura de dados na web, identificar uma alternativa e aguardar o próximo passo do Google no uso de markup formats.

Com snippets de maior qualidade sendo exibidas, a chance de uma pessoa escolher este resultado mais recheado para clicar aumenta. É bom já ficar por dentro para não ter que correr atrás depois. Aguardamos agora o próximo lançamento do Google em suas SERPs. Até a próxima!

 

Marketing Digital

marcacoesrich snippetsseo

Philipe LuquiniAuthor posts

Formado em análise e desenvolvimento de sistemas pelo Centro Universitário Una, certificado pela Hubspot, Resultado Digitais, ESPM e Rock Content. É apaixonado por marketing digital, programação, surf e música eletrônica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *